5 cachorros que se sacrificaram para salvar a vida de seus donos

5 cachorros que se sacrificaram para salvar a vida de seus donos

Você vai pensar que é história de cinema, mas engana-se, é realidade mesmo. Casos assim são mais comuns do que você imagina. A lista que vamos mostrar vai te apresentar cães heróis que fizeram o sacrifico para salvar vidas humanas. Prepare o lencinho e acompanhe:

Simon – o cão- guia2

O seu dono Dave Furakawa, um deficiente visual, levava seu filho de 4 anos para a escola, quando um carro atravessou um cruzamento e acelerou. O motorista não se preocupou com o sinal que estava vermelho e acabou indo para cima de Dave e seu filho. Tudo poderia ser trágico se não fosse pelo cão Simon. O cão-guia da raça boxer. Simon e seu filho foram atingidos pelo carro, pessoas que ali estavam contou que o cão rapidamente se levantou do chão e empurrou o seu dono Will para fora da rua.

Pedestres prestaram socorro e levaram a criança para sua mãe, e Simon mesmo com uma perna quebrada e com vários ferimentos internos ele se arrastou atrás de seu dono. Quando realmente o cão chegou em casa ele se deitou e antes que seus donos pudessem oferecer socorro ele veio a óbito. Mas com a sua missão concluída, salvar as pessoas que amava.

George – o cão bravo4

Quem já teve um cachorro da raça Jack Russel Terrier sabe que eles são cães enorme em um corpo minusculo, com espirito valente e dispostos a qualquer coisa. E foi essa coragem que levou George um cão de 9 anos a encarar 2 cães da raça Pit bulls na Nova Zelândia.

O cãozinho estava brincado com algumas crianças na rua quando os dois cachorros atacaram. George não pensou duas vezes e foi defender bravamente as crianças, conseguindo ganhar tempo para que elas se livrassem do ataque. Mas infelizmente o cãozinho não foi páreo para os cães bem maiores e fortes que ele. Um dos garotos que ali estava relatou: “George tentou nos proteger, latindo e indo em direção deles, mas eles começaram a mordê-lo, um atacando a cabeça e o outro as costas do cão. Saímos correndo e chorando procurando ajuda, algumas pessoas viram o ataque e conseguiram resgatar George”.

O pequeno cão conseguiu sobreviver à luta, mas ficou com graves ferimentos, fazendo seu dono ser obrigado a sacrificá-lo. Os dois cães que atacaram também foram sacrificados. George nunca será esquecido e recebeu muitas homenagens por sua bravura, conseguindo tocar o coração de varias pessoas.

Nero, o cão que salvou sua família do fogo5

No dia 24 de novembro de 2013, em Yorktown Heights, a casa da família Eliseo foi cercada por fogo. O cão da raça Nova-Terra chamado Nero, não se poupou e entrou em ação, acordando imediatamente Maria Eliseo e sua filha Marie. Mesmo entre a fumaça Marie conseguiu encontrar o caminho, saindo para fora da casa, mas Maria, que tinha passado por uma cirurgia a poucas semanas tentou se esconder em um quarto localizado no segundo andar. Sendo  resgatada com a ajuda de uma escada por seus vizinhos Brian Avery e robert Cole.

A atitude heroica do cão veio em um momento crítico. Marie Eliso, relatou: “Se não fosse a ajuda do Nero, eu não teria conseguido sair a tempo”.

Todos acreditavam que o cão teria sobrevivido, e muitos partiram em busca dele por toda cidade, mais tarde, infelizmente seu corpo foi localizado entre o que sobrou da casa, juntamente com outros 3 cães. A Família ficou destruída com a noticia, desabafando: “Ninguém tem ideia de como estamos nos sentindo, ele era como um filho para nós, sem ele eu não estaria aqui agora com minha esposa e minha filha”., lamentou seu dono Giulio Eliseo.

 Troy, o defensor da família

6

Em novembro de 2005, a família Doherty resolveu passear com seus 4 labradores em Randalstown Forest Park, localizado na Irlanda do Norte, quando de repente foram atacados por um cão da raça Pit Bull. O cão primeiramente foi atrás de Cole, o maior cão da família, mordendo sua perna. Sean e Dierdre Doherty procuraram afastar o Pit Bull, mas quando o cão atacado desmaiou com a dor, o animal voltou sua atenção para eles.

Logo após o cão correu em direção da criança mais pequena dos Doherty, com somente 10 anos de idade.

Foi ai que o cachorro Thoy, entrou defendendo a criança. O cão lutou até a polícia chegar e atirar friamente no pit bull que atacava. O cão defensor tinha sido gravemente machucado, e não resistiu morrendo pouco tempo depois.

Sean Soherty falou: “Estamos acabados com a morte do nosso cão. Eles sempre nos abraçou, colocando a cabeça no nosso peito. Esse cão que nos atacou era instigado a matar. Consegui ver isso em seus olhos. Mas nossos filhos estão bem. Seremos eternamente gratos ao Thoy, ele salvou nossas vidas e perdeu a dele”.

Chief vs. Cobra7

Pit bull tem uma reputação muito ruim entre todas as raças de cachorros, aqui mesmo listamos dois ataques envolvendo a raça. Mas quando eles são devidamente criados, recebendo amor e carinhos dos seus donos eles se tornam como qualquer outro cachorro.

Esse é um exemplo: Chief, um Pit Bull de Cagayan de Oro, conseguiu salvar duas mulheres no momento em que uma cobra deslizou pela cozinha da casa de Maria Frontreras, ameaçando ela e sua avó idosa. A cobra não encontraria dificuldade nenhuma em matar as duas mulheres se não fosse o cão agarrar a cobra e sacudi-la até a morte.

A cobra conseguiu morder o pit bull na mandíbula. Sua dona procurou ajuda em um veterinário de confiança, mas infelizmente era tarde demais, sendo que a mordida estava muito perto do cérebro, dificultando a salvação do cachorro.

Maria imediatamente ligou para seu esposo no trabalho contando o que tinha acontecido, ele ainda chegou com tempo de ver Chief abanar o rabo pela ultima vez.

Veja também: As 5 florestas que estão em risco de sumirem do mapa