9 fotos que provam que Rasputin foi um mostro da história

9 fotos que provam que Rasputin foi um mostro da história

Se você conhece um pouco de história, e particularmente da Rússia, você provavelmente conhece a história de Rasputin. Ele foi um místico religioso que foi recebido pela família do último czar Russo, após ele afirmar que poderia curar o filho do próprio czar que tinha hemofilia. Ele não era nenhum médico, mas as pessoas da época acreditavam que ele tinha poderes de cura.

Ele é visto como uma figura controversa até hoje, pois não se sabe o tamanho da sua influência teve no governo da época em que esteve do lado do czar;

1

O mais provável, é que ele tenha influenciado a tímida Alexandra Feodorovna, a czarina da Rússia, e assim, ter se aproximado do soberano, influenciando assim o governo;

2

Com sua posição privilegiada, Rasputin, ao lado da czarina, ele podia fazer o que quisesse. Porém, o seu comportamento inapropriado, começou a manchar sua imagem entre os nobres;

3

A hostilidade do mesmo, levou até uma tentativa de assassinato antes do início da Primeira Guerra Mundial;

4

Quando a guerra começou, ele ainda desfrutava das mordomias da família real. Quando as coisas estavam piorando na Rússia, Rasputin e a Czarina, convenceram o próprio Nicolau II, viajar junto com seu exército e comandar as linhas de frente;

5

Esta decisão acabaria por iniciar uma revolução na Rússia, dando origem então, à União Soviética;

6

Durante estes anos, sem a influência do Czar em cima de Rasputin, a nobreza começaram a traçar uma nova tentativa de homicídio, e eles estavam dispostos a não falhar;

7

Na noite de 17 de Dezembro de 1916, eles fizeram sua jogada contra Rasputin;

8

Rasputin foi convidado para jantar nesta noite na casa de um nobre. Eles serviram para ele chá com cianureto. Quando o veneno não fez efeito sobre Rasputin, então um nobre atirou a queima roupa nele. O que ainda, não foi suficiente, pois Rasputin correu, e então teve que ser baleado novamente enquanto corria, e ser trazido para dentro novamente. Eles acharam então que ele tinha morrido, até o corpo fazer um movimento brusco, aí, então, eles atiraram em sua cabeça.

Eles então, tentaram queimar o corpo;

9Diz a lenda que, quando estava queimando, o corpo dele tentou se sentar. Dizem ainda que quem estava assistindo ficou aterrorizado. Eles não sabiam que isso era totalmente normal. Quando queimados, nossos tendões ficam tensos e relaxam, e por isso os tendões são cortados antes de corpos serem cremados nos dias de hoje.

Fonte: viralnova.com

Confira também: conheça o mistério que envolve os crânios gritantes da Inglaterra