Cachorrinha recebe prótese, e ganha nova chance de viver

Cachorrinha recebe prótese, e ganha nova chance de viver

A crueldade do ser humano as vezes passa dos limites. Sempre vemos vídeos na internet de pessoas que fazem mal à animais indefesos e ainda acham que estão fazendo uma coisa muito legal, pelo contrário, fazer mal é CRIME, e está regulamentado na lei 24.645, que prevê penas, desde administrativas, até mesmo penais, com ainda multas com valores para disciplinar os malfeitores.

O problema brasileiro e mundial, é a super população de, principalmente, cachorros e gatos, que se multiplicam nas ruas, por muitas vezes não haver controle por parte do governo, junto com a população que acaba agravando o problema, abandonando animais no meio das ruas.

Por isso, é sempre importante castrar seu animal, para que ele não acabe gerando filhotes que não serão desejados. Existem clínicas que fazem castração por preços acessíveis, especialmente ONGs. Cuidar da saúde do seu animal é de extrema importância, e você estará ajudando a sociedade inteira.

A nossa celebridade de hoje, foi chamada de “Journey”. No ano novo de 2014, aconteceu uma crueldade na Coréia do Sul. Uma pessoa jogou fora, e incendiou, uma cesta cheia de filhotes. Apenas um sobreviveu, e foi chamada de “Journey”.

Ela foi levada para os Estados Unidos, e ganhou um tratamento, mas isso não recuperou sua capacidade de andar, que ficou gravemente comprometida devido às queimaduras que ela sofreu, e assim, ela não tinha mais vontade de fazer as coisas que todo cachorro ama, que é correr, pular, e fazer bagunça.

Foi caro, mas o dinheiro foi levantado, e foi mandado produzir, sob medida, as próteses para a adorável cachorrinha, que permitiram a maravilhosa cachorrinha a fazer as coisas que todos os cachorros amam, assim, ela voltou a correr, pular e fazer muita bagunça.  Veja o vídeo a baixo, no momento em que ela ganhou suas novas patinhas, que foram feitas por encomenda:

Agora, Journey está treinando para a sua primeira maratona canina. Ela terá que percorrer 5 km. Ela corre e sua mãe adotiva Marilyn Hendrickson, a ajuda em todas as dificuldades, ajudando a cachorrinha a se adaptar com a nova patinha.

Captura de tela 2015-08-30 18.08.55

Ela ainda sofre um certo desconforto nas patinhas, porém os médicos veterinários que cuidam da cadelinha, aformam que logo isso passará, e a prótese ainda será reajustada, deixando ela completamente confortável com a nova patinha. E com todo o amor que a cachorrinha recebe, não duvidamos que logo ela estará correndo e pulando como qualquer outra cadelinha, se superando.

Nós desejamos tudo de bom para essa filhote que teve um começo de vida tão difícil, mas que agora terá muito amor e carinho.

Fonte: Mashable.com

Confira também: Conheça Mike, o frango que viveu 18 meses sem cabeça