Cinco enigmas fascinantes escondidos em algumas obras de arte famosas

Cinco enigmas fascinantes escondidos em algumas obras de arte famosas

Acontece que, mesmo a gente conhecendo muito bem algumas obras de arte, elas escondem alguns segredos.

Acreditamos que quase todas as peças de arte famosas, escondem um mistério para ser desvendado. Hoje vamos mostrar alguns deles. Acompanhe:

A subjetividade da arte

‘Vila bretão na neve por Paul Gauguin, 1894

A famosa pintura de Gauguin “Vila bretão na Neve” foi vendida somente depois de sua morte e por apenas sete francos. Essa obra foi comprada com o nome de “Cataratas do Niágara”, porque o leiloeiro se confundiu e virou ela de cabeça para baixo, achando que era uma cachoeira e não uma aldeia.

Um retrato escondido

‘The Blue Room’ por Pablo Picasso de 1901

No ano de 2008, os pesquisadores utilizaram algumas câmeras de raio-x para descobrir uma imagem oculta na pintura “The Blue Room” de Picasso. Era um retrato de um senhor usando terno e gravata borboleta, descansando seu rosto em uma de suas mãos. Quando Picasso tinha uma ideia, ele enfrentava grande dificuldade para colocar em prática. Ele não podia se dar ao luxo de adquirir novas telas toda vez que uma ideia surgia, conta Susan Behrends Frank. Talvez seja essa a explicação para esse mistério, o aproveitamento da tela!

Lições de anatomia de Michelangelo

‘A Criação de Adão “, de Michelangelo, 1511

Alguns estudiosos americanos no campo de neuroanatomia acreditam que em uma das mais conhecidas obras de Michelangelo contém insinuações de anatomia. Eles explicam que a parte direita da pintura se encontra uma imagem anatomicamente perfeita de um grande cérebro. Por questão de fatos, podemos encontrar também os mesmos componentes mais sofisticados do nosso cérebro, tias como o cerebelo, o nervo óptico e a glândula pituitária. Ao mesmo tempo, a bandeira verde coincide com a arteira vertebral.

‘A Última Ceia’ de Van Gogh

‘Café Terrace at Night “por Vincent Van Gogh, 1888

O pesquisador Jared Baxred argumenta que a famosa pintura de Van Gogh ‘Café Terrace at Night’ possui uma alusão oculta para a ‘Última Ceia’ do pintor Leonardo da Vinci. A figura que está no centro é um garçom com cabelos cumpridos, usando uma túnica branca e rodeado por 12 pessoas (assim como Jesus e seus apóstolos). Na costa do garçom tem uma cruz que também é muito simbólico.

Uma ode ao queijo

“A Persistência da Memória” por Salvador Dali, 1931

Quando elaborava suas obras-primas, Dali muitas vezes tirava suas inspirações de fontes incomuns. Não ficamos espantados quando descobrimos que um de seus mais conhecidos trabalhos foi inspirado por observar um queijo Camembert sendo derretido.

Deixe sua opinião nos comentários.

Veja também: 15 fotos extremamente raras que você provavelmente nunca viu