Esta mulher estava fazendo uma transmissão ao vivo quando morreu, e ninguém a ajudou

Esta mulher estava fazendo uma transmissão ao vivo quando morreu, e ninguém a ajudou

1

Em abril de 2016, o Facebook foi levado para um próximo nível de interatividade quando foi atualizado com o Facebook Live.
Facebook Live é um serviço ao vivo que permite que qualquer usuário do Facebook compartilhe um vídeo de sua vida em tempo real. Quem faz a transmissão, pode até mesmo responder e interagir com seus espectadores, que podem estar em todo o mundo, fazendo com que a interação entre as pessoas aumentem, pois em qualquer lugar que haja um computador, ou mesmo um celular conectado a internet, é possivel realizar uma transmissão ao vivo para todo o mundo. Infelizmente para uma mãe de Arkansas, nenhum de seus 3.500 amigos no Facebook fez algo para salvar sua vida quando ela estava ao vivo em streaming um dia.

Em 28 de dezembro, Keiana Herndon, de 26 anos, começou uma transmissão do Facebook Live e, no começo, tudo estava indo bem.

2Durante a transmissão, ela estava segurando seu filho de um ano de idade, enquanto discutia seus grandes planos para o novo ano, incluindo voltar para a escola.

Herndon então começou a agir estranha – ela foi vista enxugando o rosto e tremendo. Momentos depois, a mulher desmaiou.

3Seu filho mais jovem pega o telefone e brinca com ele enquanto sua mãe fica ofegante no fundo. Os espectadores ouviram o último suspiro da mulher.

Embora centenas assistiram os acontecimentos terríveis ao vivo, nenhum de seus “amigos” tomou a nenhuma atitude. Até que alguém entrou no quarto e então, ligou para a emergência.

Ela foi levada para o hospital, mas era tarde demais.

desktop-1483470078

A mãe tinha uma longa história de problemas de tireóide, e acredita-se que sua tireóide hiperativa pode ter lhe causado um ataque cardíaco. No entanto, uma causa oficial de morte não foi determinada ainda. Herndon deixou dois filhos.

Fonte: viralnova.com

Confira também: O que aconteceu quando dois jovens usaram um tabuleiro ouija não foi nada menos que demoníaco