Mãe escreve postagem perturbadora no Facebook após jogar seu bebê pela janela

Mãe escreve postagem perturbadora no Facebook após jogar seu bebê pela janela

Nós ouvimos falar de muitas mães terríveis ao longo dos anos, mas o que aconteceu recentemente no Nebraska, EUA, é além de horrível. Depois de dar à luz uma menina de dois quilos, Antônia Lopez, de 16 anos assassinou a recém-nascida, jogando-a fora de uma janela.

Segundo as autoridades, López deu à luz em seu quarto. Então, apenas alguns segundos depois que sua filha nasceu, ela jogou a criança de uma queda de dois andares. Minutos depois, ela admitiu o ato terrível para sua mãe, que correu para fora para encontrar o bebê. Infelizmente, era tarde demais.

A mãe da adolescente ficou chocada quando ouviu o que sua filha tinha feito. Depois de localizar o bebê e tentar desesperadamente realizar os primeiros socorros, ela ligou para a emergência.

1

Antes mesmo da chegada da ambulância, López postou um status perturbador no Facebook. Considerando que ela já fugiu de casa antes, as autoridades acreditam que ela estava tentando fugir da cena de seu crime.

2“Quem pode me fazer um grande favor, e também tem um carro?”

Escreveu a garota no Facebook.

O plano não funcionou. Ela foi levada para o hospital para avaliação, depois entregue à custódia policial. Ela foi acusada de assassinato e será julgada como um adulto.

Enquanto isso, sua conta do Facebook ainda está ativa. Como as autoridades (e o público) stalkeando por ele para descobrir respostas, eles descobriram esta atualização de Lopez cuidando de um bebê falso como parte de uma exigência de economia doméstica, da escola. Claramente, ela não estava pronta para ser mãe.

3Embora não haja desculpa crime horrível da menina, a resposta do público tem sido quase tão angustiante. Centenas de comentários em sua página no Facebook referem-se a ela com intermináveis insultos. Muitos dizem que ela deve “se matar”. A raiva é de se esperar, mas dizer a alguém para se prejudicar nunca é a resposta.

Fonte: ViralNova.com

Confira também: Misteriosa arma biológica da era soviética é finalmente identificada por pesquisadores